quinta-feira, 31 de agosto de 2017

31 de agosto dia de São Raimundo Nonato, Confessor

31/08 Quinta-feira  
Festa de Terceira Classe
Paramentos Brancos


 São Raimundo Nonato nasceu em Portel, Espanha. Quando São Pedro Nolasco, a 10 de agosto de 1218, dava início à Ordem das Mercês para a redenção dos escravos, com rito solene na Catedral de Barcelona, da qual era cônego o amigo e conselheiro Raimundo de Penafort, entre os fiéis estava também o moço de dezoito anos, Raimundo, chamado Nonato porque foi extraído do corpo da mãe morta no parto. Filho de família pobre, quando menino foi pastor de rebanhos e, durante seus anos de pastor, visitava constantemente uma ermida de São Nicolau, onde se venerava uma imagem de Nossa Senhora de quem era devotíssimo. Conta-se que, durante as horas que passava aos pés de Maria, um anjo lhe guardava o rebanho. Desde jovem, Raimundo Nonato percebeu sua inclinação à vida religiosa. Seu pai buscou, sem êxito, impedi-lo de corresponder ao chamado vocacional. Ao entrar para a Ordem de Nossa Senhora das Mercês, pôde receber do fundador: Vestiu o hábito dos mercedários aos vinte e quatro anos de idade, seguindo o exemplo do fundador, se dedicou à libertação dos escravos da Espanha ocupada pelos mouros e à pregação no meio deles. No ano de 1226 na Argélia conseguiu liderar uma missão que libertou 150 cristãos, porém, quando acabaram-se os recursos para o salvamento daqueles que corriam o risco de perderem a vida e a fé, o Missionário e Sacerdote Raimundo, entregou-se no lugar de um dos cristãos. Na prisão, Raimundo pregava para os muçulmanos e cristãos, com tanta Unção que começou a convertê-los e desse modo sofreu muito, pois chegaram ao extremo de perfurarem os seus lábios com um ferro quente, fechando-os com um cadeado. Este gesto parece natural a que chega a caridade heroica de um santo que vive o Evangelho integralmente.
Foi finalmente resgatado e muito debilitado retornou à Espanha. O Papa Gregório IX quis render-lhe uma homenagem pública por tão grandes virtudes conferindo-lhe em 1239, apenas libertado, a dignidade cardinalícia, convocando-o como conselheiro. Pôs-se em viagem, para atender ao convite do Papa, mas pouco depois uma febre violentíssima o atingiu e morreu em 31 de agosto de 1240 em Cardona, perto de Barcelona. Foi sepultado na Igreja de São Nicolau, que a popular devoção do santo, inserido do Martirológio Romano em 1657 pelo Papa Alexandre VII.

Epístola    
                                                                                                                                                   
Eclesiástico 39,6-14 
8.Bem-aventurado o rico que foi achado sem mácula, que não correu atrás do ouro, que não colocou sua esperança no dinheiro e nos tesouros!9.Quem é esse homem para que o felicitemos? Ele fez prodígios durante sua vida.10.Àquele que foi tentado pelo ouro e foi encontrado perfeito, está reservada uma glória eterna: ele podia transgredir a lei e não a violou; ele podia fazer o mal e não o fez.11.Por isso seus bens serão fortalecidos no Senhor, e toda a assembléia dos santos louvará suas esmolas.

Evangelho

São Lucas 12,35-40                                                                
35.Estejam cingidos os vossos rins e acesas as vossas lâmpadas.36.Sede semelhantes a homens que esperam o seu senhor, ao voltar de uma festa, para que, quando vier e bater à porta, logo lha abram.37.Bem-aventurados os servos a quem o senhor achar vigiando, quando vier! Em verdade vos digo: cingir-se-á, fá-los-á sentar à mesa e servi-los-á.38.Se vier na segunda ou se vier na terceira vigília e os achar vigilantes, felizes daqueles servos!39.Sabei, porém, isto: se o senhor soubesse a que hora viria o ladrão, vigiaria sem dúvida e não deixaria forçar a sua casa.40.Estai, pois, preparados, porque, à hora em que não pensais, virá o Filho do Homem.

 Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

30 de agosto dia de Santa Rosa de Lima, Virgem.

30/08 Quarta-feira
Festa de Primeira Classe
Paramentos Brancos

Padroeira da America Latina


  Santa Rosa de Lima nasceu em Lima, 30 de abril, Quives, provínci capital do Peru, no ano de 1586, coincidentemente no mesmo ano da aparição da Virgem Santíssima na cidade de Chiquinquira. Isabel Flores y de Oliva é o seu nome de batismo, mas sua mãe, ao ver aquele rosto rosado e belo, começou a chamá-la de Rosa, nome com a qual ficou conhecida ao que ela acrescentou o de Maria. É primeira santa da América e padroeira do Peru e da América. Nascida em a de Lima no ano de 1586, era descendente de conquistadores espanhóis. Seu nome de batismo era Isabel Flores y Oliva, mas a extraordinária beleza da criança motivou a mudança do nome de Isabel para Rosa. Seus pais eram Gaspar de Flores, espanhol arcabuz do Vice-Rei e Maria Oliva, limenha. Era a terceira dos onze filhos do casal.
   Seus pais antes ricos tornaram-se pobres devido ao insucesso numa empresa de mineração e ela cresceu na pobreza, trabalhando na terra e na costura até altas horas da noite para ajudar no sustento da família. Cultivava as rosas de seus próprio jardim e as vendia no mercado e por isso é tida como patrona das floristas. Diz-se que tangia graciosa a viola e a harpa e tinha voz doce e melodiosa. Além de muito bela, Rosa era tida como a moça mais virtuosa e prendada de Lima.Foi pretendida pelos jovens mais ricos e distintos de Lima e arredores, mas a todos rejeitou, por amar a Cristo como esposo. Em idade de casar, fez o voto de castidade e tomou o hábito da Ordem Terceira Dominicana, após lutar contra o desejo contrário dos pais. Construiu uma cela estreita e pobre no fundo do quintal da casa dos pais e começou a ter vida religiosa, penitenciando seu corpo com jejuns e cilícios dolorosos e conta-se que utilizava muitas vezes um aro de prata guarnecido com fincos, semelhante a uma coroa de espinhos. Foi extremamente bondosa e caridosa para com todos, especialmente para com os índios e negros, aos quais prestava os serviços mais humildes em caso de doença. Segundo os relatos de seus biógrafos e dos amigos que a acompanharam, dentre eles seu confessor Frei Juan de Lorenzana, por sua piedade e devoção Santa Rosa recebeu de Deus o dom dos milagres. Era constantemente visitada pela Virgem Maria e pelo Menino Jesus, que quis repousar certa vez entre seus braços e a corou com uma grinalda de rosas, que se tornou seus símbolo. Também é afirmado que tinha constantemente junto a si seu Anjo da Guarda, com quem conversava. Ainda em vida lhe foram atribuídos muitos favores; milagres de curas, conversões, propiciação das chuvas e até mesmo o impedimento da invasão de Lima pelos piratas holandeses em 1615.   
 Apesar de agraciada com experiências místicas fora do comum, nunca lhe faltou a cruz, a fim de que compartilhasse dos sofrimentos do Divino Mestre: sofrimentos provindos de duras incompreensões e perseguições e, nos últimos anos de vida, de sofrimentos físicos, agudas dores devidas à prolongada doença que a levou à morte em 24 de agosto de 1617, aos 31 anos de idade. Suas últimas palavras foram " Jesus está comigo!" Seu sepultamento  pranteado por todo o Vice Reino do Peru e seu túmulo tornou-se repleto de milagres, bem como também os lugares onde viveu e trabalhou pela causa da Igreja. Foi a primeira santa canonizada da América e proclamada padroeira da América Latina. Conta-se que o Papa Clemente relutava em elevá-la aos altares, mas foi convencido após presenciar uma milagrosa chuva de pétalas de rosa que caiu sobre ele, vinda do céu e que atribuiu a Santa Rosa de Lima.
Leitura da Epístola dos

II Coríntios 10,17-18 e 11,1-2 
17.Ora, quem se gloria, glorie-se no Senhor. 18.Pois merece a aprovação não aquele que se recomenda a si mesmo, mas aquele que o Senhor recomenda. 1.Oxalá suportásseis um pouco de loucura de minha parte! Oh, sim! Tolerai-me.2.Eu vos consagro um carinho e amor santo, porque vos desposei com um esposo único e vos apresentei a Cristo como virgem pura.
Sequência do Santo Evangelho

São Mateus 25,1-13                                                           
1.Então o Reino dos céus será semelhante a dez virgens, que saíram com suas lâmpadas ao encontro do esposo.2.Cinco dentre elas eram tolas e cinco, prudentes.3.Tomando suas lâmpadas, as tolas não levaram óleo consigo.4.As prudentes, todavia, levaram de reserva vasos de óleo junto com as lâmpadas.5.Tardando o esposo, cochilaram todas e adormeceram.6.No meio da noite, porém, ouviu-se um clamor: Eis o esposo, ide-lhe ao encontro.7.E as virgens levantaram-se todas e prepararam suas lâmpadas.8.As tolas disseram às prudentes: Dai-nos de vosso óleo, porque nossas lâmpadas se estão apagando.9.As prudentes responderam: Não temos o suficiente para nós e para vós; é preferível irdes aos vendedores, a fim de o comprardes para vós.10.Ora, enquanto foram comprar, veio o esposo. As que estavam preparadas entraram com ele para a sala das bodas e foi fechada a porta.11.Mais tarde, chegaram também as outras e diziam: Senhor, senhor, abre-nos!12.Mas ele respondeu: Em verdade vos digo: não vos conheço!13.Vigiai, pois, porque não sabeis nem o dia nem a hora.

 Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

terça-feira, 29 de agosto de 2017

29 de agosto Degolação de São João Batista e dia de Santa Sabina, Mártir.


29/08 Terça-feira
Festa de Terceira Classe 
Paramentos Vermelhos


   Os Santos Padres que a prisão de São João se efetuara em dezembro, tendo o Santo ficado encarcerado até agosto do ano seguinte. Era em agosto que Herodes festejava pomposamente o seu aniversário natalício. Ao suntuoso banquete estavam presentes muitos convivas, entre estes os Príncipes da Galiléia.  Fazia parte do programa uma dança oriental executada pela filha de Herodíades, chamada Salomé.  Tão bem a jovem desempenhou o papel de dançarina, que Herodes, para lhe mostrar seu contentamento, prometeu dar-lhe tudo o que pedisse, ainda que fosse a metade do reino. Esta promessa, tão levianamente emitida, o rei ainda a confirmou com um juramento. Salomé, tão admirada quão perplexa, diante dessa inesperada liberalidade do monarca, foi ter com a mãe, para saber o seu parecer. Herodíades achou chegado o momento de livrar-se do odiado profeta, e nenhum instante hesitou. "Vai - disse à filha resolutamente - e pede a cabeça de João Batista". Sem pestanejar e afoitamente, a leviana dançarina transmitiu a ordem da mãe ao Rei e disse-lhe em voz alta, para que todos pudessem ouvir: "Quero que me dês num prato, a cabeça de João Batista". Ao ouvir um pedido tão bárbaro e desapiedado, Herodes apavorou-se mas, não querendo desapontar a moça e lembrando-se do juramento que fizera, anuiu e mandou o algoz ao cárcere onde João se achava. A ordem de decapitá-lo foi cumprida imediatamente e pouco momento depois, Salomé teve satisfeito o seu desejo: a cabeça de João Batista, apresentada num prato.
Os discípulos, logo que souberam do crime, retiraram o corpo do querido mestre do cárcere e deram-lhe honroso enterro. 
Os assassinos não escaparam do castigo de Deus. O Rei da Arábia, cuja filha, esposa de Herodes, por este tirano tinha sido repudiada, abriu campanha contra o adúltero, venceu-o e exilou-o. O imperador de Roma, por sua vez, desterrou-o para Lion, na Gália. Assim, abandonado por todos, fugiu com Herodíades para a Espanha, onde ambos morreram na maior miséria. Consta que Salomé,  ao atravessar em pleno e regiroso inverno um rio coberto de gelo, este cedeu e os pedaços de gelo, chocando-se um contra o outro, cortaram-lhe a cabeça. 
O martírio de São João se deu um ano antes da morte de Nosso Senhor. O corpo do Santo foi enterrado na Samaria. Seu túmulo foi profanado em 362 pelos pagãos. Piedosos monges salvaram pequenos restos que foram entregues a Santo Atanásio, em Alexandria. 
A cabeça de São João Batista foi encontrada em Emese, na Síria em 453 e é hoje a relíquia mais insigne da catedral de Breslau. 




Sabina, em Roma pertencia e nasceu de uma família nobre, em uma época em que pouco foi organizado cristianismo primitivo. 
Há referências a Santa Sabina foi uma pagã nobre casada com um senador romano Valentino. 
Santa Sabina tinha uma escrava chamada Serafina de origem siria. No tratamento diário, a governanta perguntou sobre as crenças religiosas de sua empregada e lhe pediu para explicar melhor. 
Assim, Santa Serafina, o servo, levou à conversão de sua padroeira, Santa Sabina, revelando toda uma nova e diferente de seu status nobre romano. 
Santa Sabina foi batizada. Eu costumava ir secretamente para os serviços religiosos cristãos realizadas nas catacumbas de Roma, onde conheceu e viveu com pessoas muito diferentes dos encontrados entre seu status social, embora todos fossem iguais em suas convicções e aos olhos de Deus. 
Foi capturada durante uma Santa Missa nas catacumbas, Santa Serafina foi levada pelas autoridades romanas, que perseguia os cristãos apesar de ser uma senhora de classificação, sendo levada diante do prefeito Elpídio obrigou a abjurar como não abjurou e confessou sua fé em Cristo e foi presa e condenada  a morte indo para o seu martírio. 
Como  era uma cidadã de Romana, foi concedida a permissão de seu martírio por decapitação, e não tão lento como para ser usado em outros casos. 
Durante o pontificado do Papa São Celestino I (422-432) foi ordenado construír no Monte Aventino, em Roma, a Basílica de Santa Sabina. O culto do santo se espalhou por toda a Idade Média. 
A Sabina Santa é considerada a santa padroeira de Roma, mas também donas de casa e crianças com dificuldades. Suas relíquias encontram-se na Basílica de Santa Sabina all'Aventino, fundada em 425 por Petrus, um sacerdote da Iliria, sobre as ruínas de um lugar considerado protegido pela santa.                                 
Leitura da Epístola do Profeta
                                                             
Jeremias 1,17-19   
17.Tu, porém, cinge-te com o teu cinto e levanta-te para dizer-lhes tudo quanto te ordenar. Não temas a presença deles; senão eu te aterrorizarei à vista deles;18.quanto a mim, desde hoje, faço de ti uma fortaleza, coluna de ferro e muro de bronze, (erguido) diante de toda nação, diante dos reis de Judá e seus chefes, diante de seus sacerdotes e de todo o povo da nação.19.Eles te combaterão mas não conseguirão vencer-te, porque estou contigo, para livrar-te - oráculo do Senhor.

Sequência do Santo Evangelho

São Marcos 6,17-29                                                         
17.Pois o próprio Herodes mandara prender João e acorrentá-lo no cárcere, por causa de Herodíades, mulher de seu irmão Filipe, com a qual ele se tinha casado.18.João tinha dito a Herodes: Não te é permitido ter a mulher de teu irmão.19.Por isso Herodíades o odiava e queria matá-lo, não o conseguindo, porém.20.Pois Herodes respeitava João, sabendo que era um homem justo e santo; protegia-o e, quando o ouvia, sentia-se embaraçado. Mas, mesmo assim, de boa mente o ouvia.21.Chegou, porém, um dia favorável em que Herodes, por ocasião do seu natalício, deu um banquete aos grandes de sua corte, aos seus oficiais e aos principais da Galiléia.22.A filha de Herodíades apresentou-se e pôs-se a dançar, com grande satisfação de Herodes e dos seus convivas. Disse o rei à moça: Pede-me o que quiseres, e eu to darei.23.E jurou-lhe: Tudo o que me pedires te darei, ainda que seja a metade do meu reino.24.Ela saiu e perguntou à sua mãe: Que hei de pedir? E a mãe respondeu: A cabeça de João Batista.25.Tornando logo a entrar apressadamente à presença do rei, exprimiu-lhe seu desejo: Quero que sem demora me dês a cabeça de João Batista.26.O rei entristeceu-se; todavia, por causa da sua promessa e dos convivas, não quis recusar.27.Sem tardar, enviou um carrasco com a ordem de trazer a cabeça de João. Ele foi, decapitou João no cárcere,28.trouxe a sua cabeça num prato e a deu à moça, e esta a entregou à sua mãe.29.Ouvindo isto, os seus discípulos foram tomar o seu corpo e o depositaram num sepulcro.

 Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Comentários Eleison – por Dom Williamson Número DXXVIII (528) (26 de agosto de 2017)



Quando entre os líderes dos católicos tradicionalistas a falsidade torna-se persistente,
Então, o tradicionalista deve passar a ser também um "resistente".

Na sequência de "Por Que Tradição", o Pe. Patrick Girouard, que atende atualmente uma paróquia da "Resistência" no oeste do Canadá, explica a necessidade não só de os católicos serem tradicionalistas, mas também de os católicos tradicionalistas "resistirem". Ele escreveu a seguinte declaração, “Declaração de Missão”, em junho de 2013, precisamente para explicar por que ele e algumas dúzias de fieis estavam saindo da FSSPX. Infelizmente, a "Declaração" teve de ser cruelmente encurtada. Para lerem o texto completo, entrem em contato com o Pe. Girouard no http://thebastion.faith.

Se eu, o Padre Girouard, e cerca de um terço da paróquia de Langley decidimos inaugurar uma nova paróquia, foi porque nossa amada Fraternidade está sendo destruída por sua administração, e não podemos suportar mais a constante propaganda que favorece essa destruição. Ao estudarmos cuidadosamente os documentos que lançaram luz sobre ela, pudemos entender o que aconteceu. Se então tivéssemos permanecido em silêncio e inativos, não só nos teríamos posto em um caminho perigoso, como também estaríamos contribuindo para a destruição do movimento tradicional. Que a nossa atitude encoraje mais sacerdotes e fiéis a fazer o mesmo!

Para todos os efeitos práticos, a Fraternidade Sacerdotal São Pio X uniu-se à Igreja Conciliar. Mesmo que o acordo com Roma ainda não tenha sido firmado, foi, no entanto, aceito em princípio no Capítulo Geral da Fraternidade em julho de 2012, que foi a Revolução dentro da Fraternidade: o Capítulo tomou a decisão de que a partir daquela data a Fraternidade podia firmar um pacto com os implacáveis ​​ destruidores da Igreja Católica.

Mas como um católico que seja digno do nome pode aceitar essa decisão? Como podemos dizer que somos católicos, se aceitamos fazer um acordo com aqueles que estão facilitando, por meio de suas ações ou de seu silêncio, a condenação de inúmeras almas pelas quais Nosso Senhor deu a vida d’Ele? Como podemos sequer sentar-nos para falar com pessoas que promovem essa abominação para Deus, o Novus Ordo Missae? Lembro-me de Dom Lefebvre citando o Profeta Malaquias contra a Missa Nova: “Convosco falo, ó sacerdotes, que desprezais o meu nome, e que dizeis: em que desprezamos nós o teu nome? Vós ofereceis sobre o meu altar um pão imundo, e dizeis: Em que te profanamos nós?... diz o Senhor dos Exércitos” (1, 6-7.9).

A missão da FSSPX nunca foi a de entrar na estrutura da Igreja Conciliar com o fim de "transformá-la" desde dentro. Tal ilusão foi condenada por Dom Lefebvre após as Consagrações de 1988. A missão da Fraternidade foi a de formar sacerdotes que pregassem a Verdade e lutassem vigorosamente contra o erro, sem "conversações" ou "diálogos" ou "negociações". Como um farol, essa pequena remanência atrairia então almas de boa vontade. Mas os atuais líderes da Fraternidade traíram essa missão, e não toleram desentendimentos ou críticas, e então o único meio pelo qual podemos sustentar a Verdade é separar-nos da Neofraternidade. Devemos rezar muito por uma solução para a crise e por nossa perseverança.

Vocês podem perguntar-me: quando será o momento de unir-nos a Roma? Como saberemos se temos um bom Papa? A resposta é simples: quando o Papa condenar publicamente a Missa Nova e proibir sua celebração sob pena de excomunhão; quando ele condenar publicamente e rechaçar todo o Concílio Vaticano II; em síntese, quando o virmos tomar medidas efetivas para limpar essa desordem. Da mesma forma, quando poderemos confiar na FSSPX novamente e retornar? Resposta: Quando o Bispo Fellay e todos os sacerdotes da Fraternidade que promovem a nova conduta forem destituídos e impedidos de qualquer posto futuro; quando os textos do Capítulo forem oficialmente repudiados; quando os sacerdotes fiéis forem reivindicados, e assim por diante.

Impossível, você diz? Eu respondo simplesmente: O quê? Qual é o problema? Nós apenas cumprimos nosso dever, damos glória a Deus e deixamos que Ele lide com os destruidores. Oremos e sacrifiquemo-nos pela conversão deles, e permaneçamos unidos em oração, seguramente. Mas vamos comprometer-nos e colocar-nos em perigo? – Jamais!

Kyrie eleison.
 Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

28 de agosto Santo Agostinho, Bispo, Confessor e Doutor

28/08 Segunda-feira
Festa de Terceira Classe
Paramentos Brancos


  Santo Agostinho nascido norte da África na cidade africana de Tagaste,na atual Argélia, filho de pai pagão, chamado Patrício e mãe católica, Mônica. Teve uma juventude viciosa e cheia de desvios doutrinários. 
  Aurélio Agostinho, o Santo Agostinho de Hipona foi um importante bispo cristão e teólogo. Nasceu na região norte da África em 354 e morreu em 430.  Logo, em sua formação, teve importante influência do maniqueísmo (sistema religioso que une elementos cristãos e pagãos).
  Converteu-se por influência de Santo Ambrósio, bispo de Milão, e sobretudo graças às orações e lágrimas de sua mãe Santa Mônica. Ordenado sacerdote, foi durante 34 anos bispo de Hipona, no norte da África. Além de pastor dedicado e zeloso, foi intelectual brilhantíssimo, dos maiores gênios, já produzidos em dois mil anos de História da Igreja. Escreveu numerosas obras de filosofia. Teologia e Espiritualidade, que exerceram e ainda exercem enorme influência. 
  Santo Agostinho ensinou retórica nas cidades italianas de Roma e Milão.      Nesta última cidade teve contato com o neoplatonismo cristão.
Viveu num monastério por um tempo. Em 395, passou a ser bispo, atuando em Hipona (cidade do norte do continente africano). Escreveu diversos sermões importantes. Em “A Cidade de Deus”, Santo Agostinho combate às heresias e a paganismo. Na obra “Confissões” fez uma descrição de sua vida antes da conversão ao cristianismo.
Santo Agostinho analisava a vida levando em consideração a psicologia e o conhecimento da natureza. Porém, o conhecimento e as idéias eram de origem divina.
Combateu vigorosamente as heresias de seu tempo como verdadeiro bispo, nada era mais importante do que a fé Catolica. 
   As obras de Santo Agostinho influenciaram muito o pensamento teológico da Igreja Católica na Idade Média.
Morreu em 28 de agosto (dia suposto) de 420, durante um ataque dos vândalos (povo bárbaro germânico) ao norte da África.
Santo Agostinho é considerado o santo protetor dos teólogos, impressores e cervejeiros. Seu dia é 28 de agosto, dia de sua suposta morte.

Algumas obras de Santo Agostinho:
- Da Doutrina Cristã (397-426)
- Confissões (397-398)
- A Cidade de Deus (413-426)
- Da Trindade (400-416)
- Retratações
- De Magistro
- Conhecendo a si mesmo

Frases e Pensamentos de Santo Agostinho:
- "Milagres não são contrários à natureza, mas apenas contrários ao que entendemos sobre a natureza."
- "Certamente estamos na mesma categoria das bestas; toda ação da vida animal diz respeito a buscar o prazer e evitar a dor."
- "Se você acredita no que lhe agrada nos evangelhos e rejeita o que não gosta, não é nos evangelhos que você crê, mas em você."
- "Ter fé é acreditar nas coisas que você não vê; a recompensa por essa fé é ver aquilo em que você acredita."
- "A pessoa que tem caridade no coração tem sempre qualquer coisa para dar."
- "A confissão das más ações é o passo inicial para a prática de boas ações."
- "A verdadeira medida do amor é não ter medida."
- "Orgulho não é grandeza, mas inchaço. E o que está inchado parece grande, mas não é sadio."

  De Santo Agostinho, disse o Papa Leão XIII: "É um gênio vigoroso que, dominando todas aas ciências humanas e divinas, combateu todos os erros de seu tempo".

Leitura da Epístola dos

II Timóteo, 4,1-8   
1.Eu te conjuro em presença de Deus e de Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, por sua aparição e por seu Reino:2.prega a palavra, insiste oportuna e importunamente, repreende, ameaça, exorta com toda paciência e empenho de instruir.3.Porque virá tempo em que os homens já não suportarão a sã doutrina da salvação. Levados pelas próprias paixões e pelo prurido de escutar novidades, ajustarão mestres para si.4.Apartarão os ouvidos da verdade e se atirarão às fábulas.5.Tu, porém, sê prudente em tudo, paciente nos sofrimentos, cumpre a missão de pregador do Evangelho, consagra-te ao teu ministério.6.Quanto a mim, estou a ponto de ser imolado e o instante da minha libertação se aproxima.7.Combati o bom combate, terminei a minha carreira, guardei a fé.8.Resta-me agora receber a coroa da justiça, que o Senhor, justo Juiz, me dará naquele dia, e não somente a mim, mas a todos aqueles que aguardam com amor a sua aparição.

Sequência do Santo Evangelho 

São Mateus 5,13-19                                                                 
 13.Vós sois o sal da terra. Se o sal perde o sabor, com que lhe será restituído o sabor? Para nada mais serve senão para ser lançado fora e calcado pelos homens.14.Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade situada sobre uma montanha15.nem se acende uma luz para colocá-la debaixo do alqueire, mas sim para colocá-la sobre o candeeiro, a fim de que brilhe a todos os que estão em casa.16.Assim, brilhe vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem vosso Pai que está nos céus.17.Não julgueis que vim abolir a lei ou os profetas. Não vim para os abolir, mas sim para levá-los à perfeição.18.Pois em verdade vos digo: passará o céu e a terra, antes que desapareça um jota, um traço da lei.19.Aquele que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e ensinar assim aos homens, será declarado o menor no Reino dos céus. Mas aquele que os guardar e os ensinar será declarado grande no Reino dos céus.

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

domingo, 27 de agosto de 2017

Decimo Segundo Domingo depois de Pentecoste

27/08 Domingo 
Festa de Segunda Classe
Paramentos Verdes

Leitura da Epístola dos  
II Coríntios 3,4-9                                                                                            
4.Tal é a convicção que temos em Deus por Cristo.5.Não que sejamos capazes por nós mesmos de ter algum pensamento, como de nós mesmos. Nossa capacidade vem de Deus.6.Ele é que nos fez aptos para ser ministros da Nova Aliança, não a da letra, e sim a do Espírito. Porque a letra mata, mas o Espírito vivifica.7.Ora, se o ministério da morte, gravado com letras em pedras, se revestiu de tal glória que os filhos de Israel não podiam fitar os olhos no rosto de Moisés, por causa do resplendor de sua face (embora transitório),8.quanto mais glorioso não será o ministério do Espírito!9.Se o ministério da condenação já foi glorioso, muito mais o há de sobrepujar em glória o ministério da justificação !

Sequência do Santo Evangelho

São Lucas 10,23-37  
23.E voltou-se para os seus discípulos, e disse: Ditosos os olhos que vêem o que vós vedes,24.pois vos digo que muitos profetas e reis desejaram ver o que vós vedes, e não o viram; e ouvir o que vós ouvis, e não o ouviram.25.Levantou-se um doutor da lei e, para pô-lo à prova, perguntou: Mestre, que devo fazer para possuir a vida eterna?26.Disse-lhe Jesus: Que está escrito na lei? Como é que lês?27.Respondeu ele: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todas as tuas forças e de todo o teu pensamento (Dt 6,5); e a teu próximo como a ti mesmo (Lv 19,18).28.Falou-lhe Jesus: Respondeste bem; faze isto e viverás.29.Mas ele, querendo justificar-se, perguntou a Jesus: E quem é o meu próximo?30.Jesus então contou: Um homem descia de Jerusalém a Jericó, e caiu nas mãos de ladrões, que o despojaram; e depois de o terem maltratado com muitos ferimentos, retiraram-se, deixando-o meio morto.31.Por acaso desceu pelo mesmo caminho um sacerdote, viu-o e passou adiante.32.Igualmente um levita, chegando àquele lugar, viu-o e passou também adiante.33.Mas um samaritano que viajava, chegando àquele lugar, viu-o e moveu-se de compaixão.34.Aproximando-se, atou-lhe as feridas, deitando nelas azeite e vinho; colocou-o sobre a sua própria montaria e levou-o a uma hospedaria e tratou dele.35.No dia seguinte, tirou dois denários e deu-os ao hospedeiro, dizendo-lhe: Trata dele e, quanto gastares a mais, na volta to pagarei.36.Qual destes três parece ter sido o próximo daquele que caiu nas mãos dos ladrões?37.Respondeu o doutor: Aquele que usou de misericórdia para com ele. Então Jesus lhe disse: Vai, e faze tu o mesmo.

 Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

27 de agosto dia de São José Calasânsio, Confessor


Nasceu em Peralta de la Sal, Aragão, Espanha, o ano de 1557.
S. José Calasâncio foi com S.João Baptista de la Salle, um dos grandes educadores da juventude no século XVII. Nasceu em 1556 na província de Huesca, Espanha. Desde muito novo foi muito devoto. Estudo direito civil e canónico. Faz o doutorado em Alcalá, mas terminando volta para a sua terra e funda as "academias" para jovens. Em 1583, recebe o sacerdócio. Tinha apenas 28 anos quando o bispo de Jaca o nomeou seu teólogo. Com a morte do pai em 1586, José viu-se com uma notável riqueza que começou a distribuir por esmolas. Em 1590 foi nomeado vigário-geral para toda a diocese devido às reformas eclesiásticas que foi obtendo. Movido por uma inquietação interior pediu ao seu director autorização para ir a Roma, licença que lhe foi dada. Chegou na quaresma de 1592. Durante cinco anos teve uma vida oculta. Levanta-se cedo para fazer a peregrinação das basílicas antes da aurora. Ajudava nos hospitais e prisões e quando em 1596 surge a peste em Roma, ajuda S.Camilo de Léllis a combatê-la. Não gostava de ver a ignorância religiosa das pessoas e por isso em 1597 criou a primeira "escola pia" no presbitério de Santa Doroteia, no Transtévere, perto da ponte Sisto. Em 1617 o papa Paulo V, criou, com o pessoal de Calasâncio, uma congregação pulina dos Pobres da Mãe de Deus das Escolas pias. Em 1621, foi erecta como congregação de votos solenes por Gregório XV soa nome de Clérigos Pobres da Mãe de Deus. José foi nomeado Geral em 1622. Estas escolas se propagaram com muitas rapidez: Itália, Alemanha, Boémia, Polónia. Surgiram graves problemas nesta obras ao ponto de José e todo a cúria generalícia serem presos. José tinha na altura 86 anos. Foi ovido pelo Santo Ofício. Foram momentos de grande provação, em que viu a sua obra quase completamente destruída. São José Calasâncio, entretanto, não desanimou..Manteve-se sereno e tranquilo e confiante em Deus. E a sua obra novamente surgiu das cinzas. Entretanto, somente oito anos após a sua morte, José tinha-o profetizado.O papa Alexandre VI, em 1656, aprovava definitivamente o Instituto. São José Calasâncio morreu aos noventa anos de idade, em 1648.
  
Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

sábado, 26 de agosto de 2017

Nossa Senhora no Sábado

http://3.bp.blogspot.com/-CoB0kPyTNQw/UfuxEBkosqI/AAAAAAAAVGI/xjfAN0V0tA4/s1600/SENHORA+DOS+ANJOS.jpg 
Senhora dos Anjos.

Epístola extraída do

Eclesiástico 24, 14-16
14 Desde o início, antes de todos os séculos, ele me criou, e não deixarei de existir até o fim dos séculos; e exerci as minhas funções diante dele na casa santa. 15 Assim fui firmada em Sião; repousei na cidade santa, e em Jerusalém está a sede do meu poder. 16 Lancei raízes no meio de um povo glorioso, cuja herança está na partilha de meu Deus; e fixei minha morada na assembléia dos santos. 

Sequência do Santo Evangelho 

São Lucas 11, 27-28 
27 Enquanto ele assim falava, uma mulher levantou a voz do meio do povo e lhe disse: Bem-aventurado o ventre que te trouxe, e os peitos que te amamentaram! 28 Mas Jesus replicou: Antes bem-aventurados aqueles que ouvem a palavra de Deus e a observam! 

 Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

26 de agosto dia de Santo Zeferino,Papa.

 Santo Zeferino (em latim: Zephyrinus) foi o primeiro Papa do século III e décimo quinto da Igreja, sucedendo a Vítor I.Natural de Roma, foi eleito em 199. O seu pontificado se caracterizou por duras lutas teológicas que levaram, por exemplo à excomunhão de Tertuliano. Seu crítico, São Hipólito, o descreveu como um homem simples, sem educação e dominado pelo seu assessor, Calisto. 
 No início de seu pontificado, o imperador Septímio Severo moveu, por decreto, intensa  perseguição contra a Igreja, fato que levou São Zeferino a tomar as primeiras providências no sentido de zelar pelo rebanho, levando seu auxílio e consolo naqueles dias de grande tribulação. Pessoalmente,  de dia e de noite,  percorreu infatigavelmente diversas  casas, cavernas e locais subterrâneos.  Colocou em risco a própria vida, visitando e consolando não só os encarcerados, mas também os condenados, que acompanhava até aos cadafalsos.   A todos alentava com palavras e esmolas, levando a eles o Pão dos fortes, regado com o Sangue de Cristo. A cruel perseguição perdurou por nove anos consecutivos, até a morte do imperador Severo, quando a  Igreja recobrou um certo período de paz. Zeferino foi o primeiro Pontífice que desejou criar uma catacumba na Via Ápia, cujos cuidados foram por ele confiados ao diácono Calisto (e, por isso, chamada de catacumba de Calisto). Zeferino estabeleceu que os fiéis católicos, depois dos 14 anos, comungassem, pelo menos na ocasião da Festa da Páscoa. Determinou o uso da patena e dos cálices sagrados, até então confeccionados em madeira. Durante seu pontificado, a cabeça da heresia reergueu-se furiosamente.  Praxeas, que no pontificado anterior havia retratado-se da pregação de sua heresia patripasiana (negação da Santíssima Trindade), novamente tentou semear sua doutrina errônea e, por isto, foi duramente combatido pelo Papa.  Foi martirizado em 20 de dezembro de 217, sendo venerado como santo no dia 26 de agosto.

  Santo Zeferino (em latim: Zephyrinus) foi o primeiro Papa do século III e décimo quinto da Igreja, sucedendo a Vítor I.Natural de Roma, foi eleito em 199. O seu pontificado se caracterizou por duras lutas teológicas que levaram, por exemplo à excomunhão de Tertuliano. Seu crítico, São Hipólito, o descreveu como um homem simples, sem educação e dominado pelo seu assessor, Calisto.                                                                                                                                                                         
  No início de seu pontificado, o imperador Septímio Severo moveu, por decreto, intensa  perseguição contra a Igreja, fato que levou São Zeferino a tomar as primeiras providências no sentido de zelar pelo rebanho, levando seu auxílio e consolo naqueles dias de grande tribulação. Pessoalmente,  de dia e de noite,  percorreu infatigavelmente diversas  casas, cavernas e locais subterrâneos.  Colocou em risco a própria vida, visitando e consolando não só os encarcerados, mas também os condenados, que acompanhava até aos cadafalsos.   A todos alentava com palavras e esmolas, levando a eles o Pão dos fortes, regado com o Sangue de Cristo. A cruel perseguição perdurou por nove anos consecutivos, até a morte do imperador Severo, quando a  Igreja recobrou um certo período de paz. Zeferino foi o primeiro Pontífice que desejou criar uma catacumba na Via Ápia, cujos cuidados foram por ele confiados ao diácono Calisto (e, por isso, chamada de catacumba de Calisto). Zeferino estabeleceu que os fiéis católicos, depois dos 14 anos, comungassem, pelo menos na ocasião da Festa da Páscoa. Determinou o uso da patena e dos cálices sagrados, até então confeccionados em madeira. Durante seu pontificado, a cabeça da heresia reergueu-se furiosamente.  Praxeas, que no pontificado anterior havia retratado-se da pregação de sua heresia patripasiana (negação da Santíssima Trindade), novamente tentou semear sua doutrina errônea e, por isto, foi duramente combatido pelo Papa.  Foi martirizado em 20 de dezembro de 217, sendo venerado como santo no dia 26 de agosto.

 Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

25 de agosto dia de São Luís, Rei e Confessor

25/08 Sexta-feira
Festa de Terceira Classe
Paramentos Brancos
  Tornou-se rei, quis estabelecer primeiro o Reino Social de Nosso Senhor Jesus Cristo, convicto de que essa é a melhor maneira de fortalecer reino sendo cristão.Por está fé catolica São Luís foi frequentemente considerado o modelo  ideal do monarca cristão.

   São Luís nasceu no castelo de Poissy, a 30 quilómetros de Paris, a 25 de Abril de 1214 ou 1215, dia de procissões solenes do dia de São Marcos. A sua infância terá sido influenciada pela figura do seu pai que, unindo o zelo pela religião à bravura marcial que lhe valeu o cognome de o Leão, subjugou os cátaros do sul da França. 
Particularmente zelosos da sua educação, os pais de Luís IX deram-lhe bons preceptores: Mateus II de Montmorency, Guilherme des Barres, conde de Rochefort, e Clemente de Metz, marechal da França, inspiraram-lhe os sentimentos de um rei cristianíssimo e filho da Igreja. Com a morte do seu pai em 8 de Novembro de 1226, Luís IX subiu ao trono aos 12 anos de idade. Foi sagrado na catedral de Reims por Jacques de Bazoches, bispo de Soissons, em 30 de Novembro do mesmo ano. No dia 27 de maio de 1235, pouco depois de completar 20 anos, casou-se com Margarida, filha mais velha de Raimundo Béranger, Conde de Provence e de Forcalquier, e de Beatriz de Sabóia.    
 A educação dos filhos, ou os deixam, sem maior preocupação, aos cuidados de governantes, São Luís chamava pessoalmente a si o cuidado de instruí-los, imprimindo-lhes na alma o desprezo pelos prazeres e vaidades do mundo e o amor pelo soberano Criador. Ele os exercitava normalmente à noite, após as horas Completas, quando os fazia vir a seu quarto a fim de ouvir as suas piedosas exortações. Ensinava-lhes, além disso, a rezar diariamente o Pequeno Ofício de Nossa Senhora, obrigava-os a assistir às Missas de preceito, e  incutia-lhes a necessidade da mortificação e da penitência. Às sextas-feiras, por exemplo, não permitia que portassem qualquer ornamento na cabeça, porque foi o dia da coroação de espinhos de Nosso Senhor Jesus Cristo. Ainda hoje existem os manuscritos das instruções por ele deixadas à sua filha Isabel, Rainha da Navarra: são tão santas e cheias do espírito de Nosso Senhor, que nenhum diretor espiritual, por mais esclarecido que seja, seria capaz de apresentar outras mais excelentes.          
   Notório seu zelo em extirpar a libertinagem no reino de França, o que dizer de seu empenho em relação ao extermínio da heresia e ao estabelecimento da Fé e da disciplina cristã? Para isso tomou-se de grande afeição pelos religiosos de São Domingos e de São Francisco, a quem ele via como instrumentos sagrados dos quais a Providência queria se servir para a salvação de uma infinidade de almas resgatadas pelo precioso Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo. Ele os convidava com certa freqüência para jantar, sobretudo São Tomás de Aquino e São Boaventura, dois luzeiros a iluminar o firmamento da Santa Igreja a partir da Idade Média.
  Zelo religioso Franciscano Secular, de vida e coração, soube ensinar às gerações vindouras a arte de bem governa em seu reinado foi um período de paz e prosperidade para a França, mas também de excepcionais zelo religioso com a intenção de conduzir o povo francês à salvação da alma.
 São Luís não negligenciava o cuidado dos pobres, proibiu o jogo e a prostituição e punia a blasfémia. 


19 de agosto de 1239, a procissão chegou em Paris, o rei abandonou sua vestimenta real, assume uma túnica simples e descalço, assistido pelo seu irmão, o porta Santa Cruz para Notre-Dame de Paris. Ele, então, construir um santuário para a extensão destas relíquias: a Sainte-Chapelle.

 A Santa Cruz é, sem dúvida, as relíquias mais valiosas e plusvénérée preservadas na Catedral de Notre-Dame de Paris: ela carrega mais de dezesseis séculos de oração fervorosa do cristianismo. Trata-se de um círculo de juncos agrupados e mantidos pelo filho de ouro, com um diâmetro de 21 centímetros, em que eram os espinhos. Estes foram espalhados ao longo dos séculos por doações de deByzance imperadores e reis da França. Consideramos setenta, e da natureza, que se originam no Estado. Desde 1896, ela é mantida em um tubo de ouro e cristal, coberto com uma estrutura perfurada continha um ramo ou Zizyphus Spina Christi - arbusto que tem servido a coroação de espinhos. Este relicário doado por fiéis da diocese de Paris, é o trabalho do ourives Mr. Poussielgue Rusand (1861-1933) após desenhos de arquiteto JG Astruc (1862-1950) .
                                                                                                                                 

  Participou da Sétima Cruzada e da Oitava Cruzada, tendo morrido no decurso desta última, o que influenciou em grande medida a sua posterior canonização no reinado do seu neto Filipe o Belo. Poitiers e a sua esposa Joana de Toulouse morreriam no intervalo de três dias, na Itália.                

  O corpo do rei foi levado para França pelo seu filho e sucessor Filipe, com excepção das entranhas: algumas destas foram enterradas na atual Tunísia, onde ainda é possível hoje em dia visitar um túmulo de São Luís; outras foram destinadas à abadia de Monreale, na Sicília, a pedido do seu irmão Carlos I da Sicília.
   O culto deste santo foi juridicamente examinado e aprovado pelo papa Bonifácio VIII, que o canonizou em 1297 com o nome de São Luís da França.

Leitura da Epístola dos 
 Sabedoria 10,10-14 
 10.foi ela que guiou por caminhos retos o justo que fugia à ira de seu irmão; mostrou-lhe o reino de Deus, e deu-lhe o conhecimento das coisas santas; ajudou-o nos seus trabalhos, e fez frutificar seus esforços;11.cuidou dele contra ávidos opressores e o fez conquistar riquezas;12.ela o protegeu contra seus inimigos e o defendeu dos que lhe armavam ciladas; e no duro combate, deu-lhe vitória, a fim de que ele soubesse quanto a piedade é mais forte que tudo.13.Ela não abandonou o justo vendido, mas preservou-o do pecado.14.Desceu com ele à prisão, e não o abandonou nas suas cadeias, até que lhe trouxe o cetro do reino e o poder sobre os que o tinham oprimido; revelou-lhe a mentira de seus acusadores, e conferiu-lhe uma glória eterna.

Sequência do Santo Evangelho

São Lucas 19,12-26                                                                    
12.Um homem ilustre foi para um país distante, a fim de ser investido da realeza e depois regressar.13.Chamou dez dos seus servos e deu-lhes dez minas, dizendo-lhes: Negociai até eu voltar.14.Mas os homens daquela região odiavam-no e enviaram atrás dele embaixadores, para protestarem: Não queremos que ele reine sobre nós.15.Quando, investido da dignidade real, voltou, mandou chamar os servos a quem confiara o dinheiro, a fim de saber quanto cada um tinha lucrado.16.Veio o primeiro: Senhor, a tua mina rendeu dez outras minas.17.Ele lhe disse: Muito bem, servo bom; porque foste fiel nas coisas pequenas, receberás o governo de dez cidades.18.Veio o segundo: Senhor, a tua mina rendeu cinco outras minas.19.Disse a este: Sê também tu governador de cinco cidades.20.Veio também o outro: Senhor, aqui tens a tua mina, que guardei embrulhada num lenço;21.pois tive medo de ti, por seres homem rigoroso, que tiras o que não puseste e ceifas o que não semeaste.22.Replicou-lhe ele: Servo mau, pelas tuas palavras te julgo. Sabias que sou rigoroso, que tiro o que não depositei e ceifo o que não semeei...23.Por que, pois, não puseste o meu dinheiro num banco? Na minha volta, eu o teria retirado com juros.24.E disse aos que estavam presentes: Tirai-lhe a mina, e dai-a ao que tem dez minas.25.Replicaram-lhe: Senhor, este já tem dez minas!...26.Eu vos declaro: a todo aquele que tiver, dar-se-lhe-á; mas, ao que não tiver, ser-lhe-á tirado até o que tem.

Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

24 de agosto dia de São Bartolomeu, Apostolo

24/08 Quinta-feira
Festa de Segunda Classe
Paramentos Vermelhos

  São Bartolomeu foi um dos 12 primeiros apóstolos de Cristo. Nascido em Caná, a 14 quilômetros de Nazaré, na Galileia, foi apresentado a Jesus pelo apóstolo e seu maior amigo Filipe, sob uma figueira. Filho de Tholmai e também conhecido como Natanael, assim como Tomé, era um viajante e atuou em áreas como Índia, Armênia, Irã, Síria e por algum tempo na Grécia, com Filipe, especialmente na Frígia. Além dos evangelhos de João, Mateus, Marcos e Lucas, os Atos referem-se a ele como um dos Doze. Tradição, ele é o Natanael de que falam outras passagens, e isso fica evidente através da comparação entre os quatro Evangelhos. Natanael significa "Deus deu" - o significado desse nome fica claro levando-se em conta que ele vinha de Caná, onde deve ter testemunhado a ação de Jesus nas Bodas de Caná (Jo 2, 1-11) Segundo fontes históricas, São Bartolomeu teria pregado o cristianismo até na Índia. Outra tradição diz que o apóstolo morreu por esfolamento em Albanópolis, atual Derbent, na província russa de Daguestão junto ao Cáucaso, a mando do governador, tanto que na Capela Sistina ele é pintado segurando a própria pele na mão esquerda e na outra o instrumento de seu suplício, um alfange. Segundo a Igreja Católica, mais tarde suas relíquias foram levadas para a Europa e jazem em Roma, na Igreja a ele dedicada.
Epístola

I Coríntios 12,27-31                                                                                           
27.Ora, vós sois o corpo de Cristo e cada um, de sua parte, é um dos seus membros.28.Na Igreja, Deus constituiu primeiramente os apóstolos, em segundo lugar os profetas, em terceiro lugar os doutores, depois os que têm o dom dos milagres, o dom de curar, de socorrer, de governar, de falar diversas línguas.29.São todos apóstolos? São todos profetas? São todos doutores?30.Fazem todos milagres? Têm todos a graça de curar? Falam todos em diversas línguas? Interpretam todos?31.Aspirai aos dons superiores. E agora, ainda vou indicar-vos o caminho mais excelente de todos.

Evangelho

São Lucas 6, 12-19                                                                       
12.Naqueles dias, Jesus retirou-se a uma montanha para rezar, e passou aí toda a noite orando a Deus.13.Ao amanhecer, chamou os seus discípulos e escolheu doze dentre eles que chamou de apóstolos:14.Simão, a quem deu o sobrenome de Pedro; André, seu irmão; Tiago, João, Filipe, Bartolomeu,15.Mateus, Tomé, Tiago, filho de Alfeu; Simão, chamado Zelador;16.Judas, irmão de Tiago; e Judas Iscariotes, aquele que foi o traidor.17.Descendo com eles, parou numa planície. Aí se achava um grande número de seus discípulos e uma grande multidão de pessoas vindas da Judéia, de Jerusalém, da região marítima, de Tiro e Sidônia, que tinham vindo para ouvi-lo e ser curadas das suas enfermidades.18.E os que eram atormentados dos espíritos imundos ficavam livres.19.Todo o povo procurava tocá-lo, pois saía dele uma força que os curava a todos.
 Viva Cristo Rei e Maria Rainha.
Rezem todos os dia Santo Rosário